Lembrando o Codificador da Doutrina Espírita é imperioso estejamos alertas em nossos deveres fundamentais. Convençamos-nos de que é necessário:

sentir kardec;

estudar kardec;

anotar kardec;

meditar kardec;

analisar kardec;

comentar kardec;

interpretar kardec;

cultivar kardec;

ensinar kardec e

divulgar Kardec...

Que é preciso cristianizar a humanidade é afirmação que não padece dúvida; entretanto, cristianizar, na Doutrina Espírita, é raciocinar com a verdade e construir com o bem de todos, para que, em nome de Jesus, não venhamos a fazer sobre a Terra mais um sistema de fanatismo e de negação.

Emmanuel

Página recebida pelo médium Francisco Cândido Xavier em 03/10/1960

Publicada em o "Reformador", março de 1961, FEB.